Um ano após transposição, pouca coisa mudou diz, MPF


Última atualização em 13/04/2018 às 09h20, por Klebson

Um vídeo, produzido pela Assessoria de Comunicação (Ascom) do Ministério Público Federal (MPF) na Paraíba, feito a partir de inspeção, mostra problemas, a exemplo da falta de água, ainda enfrentados pelos cidadãos que deveriam ser beneficiados pela transposição do Rio São Francisco.

O órgão reclama que pouca coisa mudou na vida da população do Cariri paraibano após a inauguração da obra.

Um vídeo, produzido pela Assessoria de Comunicação (Ascom) do Ministério Público Federal (MPF) na Paraíba, feito a partir de inspeção, mostra problemas, a exemplo da falta de água, ainda enfrentados pelos cidadãos que deveriam ser beneficiados pela transposição do Rio São Francisco.

Participaram da inspeção, realizada nos dias 19, 20 e 21 de março de 2018, além de representante da Ascom, engenheiro civil e técnico de segurança do MPF na Paraíba. Durante a inspeção foi constatado que algumas condicionantes das licenças prévias e de instalação não vêm sendo cumpridas na integralidade.

O vídeo será enviado oficialmente ao Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) para apreciação, conforme acordado na reunião realizada em Brasília no último dia 5 de fevereiro com a presidência da autarquia ambiental.

Portal Correio

Praça Cônego João Marques Pereira. Cep: 58580-000, S/N, Centro Serra Branca - Paraíba
(83) 3354.2000 (83) 9 9962.2957
Rádio FM Serra Branca Ltda. © 2017