Agora Na Rádio
Jornal do Meio Dia

Prazo para optar por perdão de dívidas do IPVA de motos na Paraíba encerra neste domingo


Última atualização em 29/10/2021 17:18, por Yan César

 Os proprietários de motos de até 162 cilindradas, que estão com emplacamento atrasado nos últimos cinco anos, têm prazo até este domingo (31), para optar pelo perdão das dívidas dos últimos cinco anos. Os interessados deverão optar pelo pagamento em cota única à vista ou no parcelamento do Exercício de 2021 do Imposto de Propriedade Veicular de Automotores (IPVA).


Para ter direito à remissão (perdão) dos últimos cinco anos (2016-2020) do IPVA, o proprietário de moto de até 162 cilindradas precisa efetuar o pagamento do exercício de 2021 do tributo. Ele conta com três opções. A primeira é o pagamento à vista na opção de cota única. A segunda opção é o parcelamento em até três vezes. Essas duas primeiras opções têm prazo de adesão até o dia 31 de outubro. Contudo, o proprietário tem ainda uma terceira alternativa: o pagamento total do IPVA e das Taxas de 2021 até o dia 30 de dezembro, mas sem o desconto ou parcelamento.    

Em pouco mais de três semanas, o número de proprietários de motos de até 162 cilindradas que aderiram ao perdão do IPVA e das Taxas já chega a 29.297 proprietários, o que representa uma média diária de 1,171 mil adesões, com maior parte optando pela cota única à vista.  

A Sefaz-PB disponibilizou em seu portal www.sefaz.pb.gov.br, na página principal, no menu Serviços Mais Acessados o banner “Motos até 162 cc” o link para realizar a adesão ao benefício, que é a impressão e o pagamento do exercício de 2021 completo da moto até 162 cc (IPVA e Taxas). O proprietário pode acessar também no link direto https://abre.ai/djbB o benefício, que é a impressão e o pagamento do Exercício de 2021 do emplacamento completo da moto até 162 cc (IPVA e Taxas).

SOMENTE VIA DESKTOP OU NOTEBOOK – É importante frisar que o proprietário somente poderá acessar o link do benefício no portal da Sefaz-PB para imprimir boleto por meio de computadores do tipo desktop ou notebook. Para facilitar a emissão do boleto na opção à vista ou parcelada, o proprietário da moto precisa ter como informações prévias para adesão: o número do CPF do proprietário da moto; número da placa e também o número do Renavam.

Já para ter direito ao Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV), emitido pelo Detran-PB, o proprietário precisa comprovar o pagamento do licenciamento de 2021 do veículo completo (IPVA e Taxas), regularizando, assim, a situação do proprietário perante o Estado com a sua moto.