Agora Na Rádio
103 By Night

Manchas de óleo reaparecem em praias da Paraíba


Última atualização em 28/10/2019 09:35, por Rebeca Andrade

O litoral da Paraíba voltou a registrar pequenas manchas de óleo, em formato de gotículas, na manhã deste domingo (27). Os resquícios foram encontrados nas praias de Barra de Gramame, em João Pessoa, e Tambaba, em Conde. Na Capital, as substâncias foram vistas durante o monitoramento realizado pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semam); em Conde, os resíduos foram encontrados durante ação coordenada pela Capitania dos Portos, com participação da Marinha, Corpo de Bombeiros, Polícia Ambiental, Ibama e demais entidades.

No entanto, conforme a Capitania dos Portos, as praias do litoral paraibano não estão sendo atingidas por novas manchas de óleo. As gotículas são residuais do surgimento das manchas no início de setembro no estado. As amostras foram coletadas e serão analisadas para saber se são provenientes do grande vazamento que tem se expandido pelo litoral nordestino nas últimas semanas.

O trabalho de monitoramento na Paraíba foi reforçado desde a última quinta-feira (24), devido ao redirecionamento de uma corrente marítima que poderia trazer para a Paraíba o óleo que tem se acumulado no litoral pernambucano. Outro fator que facilitou a chegada dos resíduos foi a maré alta, segundo a Secretaria do Meio Ambiente da Capital (Semam).

Na praia de Gramame, a Semam acionou a Capitania dos Portos e a Marinha para auxiliar na coleta e acondicionamento do material para a realização de um descarte adequado. Também haverá uma atenção minuciosa na área para verificar se a descoberta é indício de um futuro alerta vermelho. O monitoramento segue imediatamente para as praias do Sol e de Jacarapé.

Praias atingidas da PB (desde o início)

De acordo com o Ibama, logo quando foram detectadas na Paraíba, entre o fim de agosto e setembro deste ano, as manchas de óleo atingiram os seguintes trechos no estado:

Mataraca

  • Barra do Rio Camaratuba

Rio Tinto

  • Oiteiro
  • Lagoa de Praia
  • Praia de Campina
  • Barra do Rio Mamanguape

Cabedelo

  • Praia Formosa
  • Praia de Camboinha
  • Praia do Poço
  • Praia de Intermares

João Pessoa

  • Praia do Cabo Branco
  • Praia de Tambaú

Conde

  • Praia do Amor
  • Tambaba
  • Gramame
  • Jacumã

Pitimbu

  • Praia Bela

De acordo com a Sudema, todos os trechos onde foram encontradas manchas de óleo na Paraíbaforam limpos e não há registro de novas ocorrências.

Orientações ao ver óleo em praias

Em nota, a Marinha do Brasil solicita a todos que avistarem novas manchas que entrem em contato com as autoridades competentes, podendo também realizar contato telefônico por meio do número 185, a fim de auxiliarem na execução de ações de pronta resposta, evitando maiores danos à natureza e à população local.

As autoridades recomendam que as pessoas evitem tocar as manchas de óleo sem luvas de borracha. Caso o produto entre em contato direto com a pele, é recomendável limpar imediatamente a área atingida, utilizando gelo e óleo de cozinha. Em caso de reação alérgica, a pessoa deve procurar atendimento médico.

Outros telefones também podem ser contactados caso sejam encontradas manchas de óleo em praias, como o 199 da Defesa Civil, 190 da Polícia Militar, em todo o estado e, em João Pessoa, o 0800 281 9208 da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semam).

Com Portal Correio