Agora Na Rádio
Bom descanso - Até Amanhã...

DEBANDADA: Prefeitos paraibanos e secretários do Estado seguem João e anunciam saída do PSB


Última atualização em 05/12/2019 09:20, por Rebeca Andrade

Desde o anúncio da desfiliação do governador João Azevêdo do PSB, prefeitos e secretários deixam a sigla para acompanhar o gestor. Os aliados de João admitiram que também irão deixar o partido do PSB.

O prefeito de Pilar, Benício Neto, aguarda uma reunião com Azevêdo para definir qual rumo seguirá. A migração do partido, no entanto, já está decretada. Um encontro também vai acontecer em São José de Piranhas, mas dessa vez com vereadores e lideranças da região. O prefeito do município, Chico Mendes, admitiu que seguirá a orientação do governador e sairá da sigla.

Ao acompanhar João, o prefeito de Itabaina, Dr Lúcio, disse acreditar no projeto. O prefeito ressaltou que trabalhou pela candidatura do governador. “No tocante de Itabaiana, estou satisfeito com o desempenho do governo”, pontuou.

O prefeito de Princesa Isabel, Ricardo Pereira, também sai do PSB e em sua justificativa, o gestor disse querer dar seguimento ao ‘projeto’. “O projeto precisa ser priorizado, não as pessoas”, avaliou.

O Secretário de Infraestrutura, Deusdette Queiroga espera apenas o sinal do gestor. “Na hora que ele tomar a decisão, a gente está pronto para ingressar no partido que ele definir”, disse.

O prefeito de Sousa, Fábio Tyrone, aguarda reunião para tomar decisão, mas acredita que João Azevêdo foi vítima do ‘processo’: “Tenho muito respeito pelo PSB, pela história construída pelo partido com Ricardo Coutinho, mas acho que erraram com João Azevêdo. Minha opinião é que nós possamos seguir com o projeto que elegeu João Azevêdo que é a continuidade de um grande projeto para a Paraíba. Vejo João como vítima do processo acho que ele está fazendo as coisas corretas, o Governo tem dado resultados”, disse o prefeito.

Com Mais PB