Agora Na Rádio
Agito 103

BARBÁRIE: Sumeense morto no interior do Paraná tem túmulo violado e caixão incendiado


Última atualização em 13/02/2020 09:22, por Rebeca Andrade

Um fato que remete ao tempo da barbárie ocorreu no interior do Paraná, numa cidade chamada de Juranda, envolvendo um caririzeiro natural de Sumé.

Michel Lopes de Oliveira, conhecido como “Michel Panelinha”, foi assassinado na noite do último sábado (08) em Umuarama, interior do Paraná. Michel foi morto com cerca de 20 golpes de faca. Ele tinha pouco mais de 30 anos de idade.

A vítima era conhecida como “Paraíba” e foi sepultado no cemitério municipal de Juranda. Na madrugada desta quarta-feira (12), seu túmulo foi violado em uma ação macabra e os criminosos atearam fogo em seu caixão.

A violação do túmulo só foi descoberta nas primeiras horas da manhã desta quarta-feira (12), quando mulheres que realizavam a limpeza do cemitério se depararam com o ato desumano e assustador.

Pelos vestígios encontrados no local, os criminosos utilizaram gasolina para atear fogo à sepultura. O incêndio chegou a atingir o corpo do defunto. A Polícia Civil já investiga o caso e espera chegar aos autores dessa barbárie.

Michel Lopes foi provavelmente assassinado por ex-funcionários seus a partir de um desacordo comercial. Os dois acusados já foram presos pela polícia.

De Olho no Cariri
Foto e informações: Corujão Notícias