Agora Na Rádio
Bom descanso - Até Amanhã...

Morre em João Pessoa, o jornalista idealizador da Festa do Bode Rei e do projeto Roliúde Nordestina


Última atualização em 07/05/2020 16:48, por Jr Queiroz

O jornalista, crítico de cinema e escritor Wills Leal morreu na madrugada desta quinta-feira (7), aos 83 anos, em João Pessoa. Ele sofreu uma parada cardiorrespiratória e não resistiu.

O corpo de Wills Leal será cremado, mas antes acontecerá uma velório de forma restrita apenas aos familiares do jornalista.

O jornalista criou laços muito fortes com a cidade caririzeira de Cabaceiras, através da criação do projeto Festa do Bode Rei, um evento que ultrapassou as barreiras da Paraíba e ganhou o mundo. Da mesma forma foi o projeto Roliíude Nordestina, que visa enaltecer a cidade que há aos poucos se transformou em um polo cinematográfico, com mais de 30 produções.
Ao longo desses mais de 20 anos de relação com Cabaceiras, Willis fez amigos e recebeu o título de cidadão cabaceirense.

Wills Leal é natural de Alagoa Nova, na Paraíba, graduado em Filosofia e bacharel em Línguas Neolatinas. Ele também se especializou em Língua e Literatura Francesa. Ingressou na Academia Paraibana de Letras em 29 de maio de 1992. Wills também fundou a Academia Paraibana de Cinema.

A atriz Zezita Matos disse que Wills foi, “além de um agitador cultural, um intelectual que escreveu a história do cinema maravilosamente bem, que criou a Academia de Cinema, da qual hoje eu sou presidente, era um cara que tem um acervo de tudo. Era um homem que sonhava e ainda tinha uma força que era invejável”.

G1 PB – Foto: Rizemberg Felipe/Jornal da Paraíba