Agora Na Rádio
Terço em Família

PF cumpre mandados de prisão contra detento no RN em nova fase de operação que investiga assaltos aos Correios de Taperoá e Soledade


Última atualização em 03/06/2020 10:23, por Rebeca Andrade

A Polícia Federal cumpriu, nesta terça-feira (2), mandados de prisão e de busca e apreensão no Rio Grande do Norte contra investigados por assaltos a agências dos Correios na Paraíba. Foram cumpridos pela PF do estado vizinho dois mandados de prisão contra um detento da Cadeia Pública de Ceará-Mirim e um de busca a apreensão no município de Extremoz. Essa é a segunda fase da Operação Carrossel, que já teve primeira etapa cumprida em Mossoró, também no Rio Grande do Norte, e em João Pessoa, na Paraíba, na última sexta-feira (29).

Os assaltos ocorreram na agência dos Correios em Soledade, em 29 de outubro de 2019, e na agência em Taperoá, no dia 10 de janeiro deste ano. O comparsa do detento alvo de mandados hoje já havia sido preso em Mossoró na última sexta-feira acusado dos mesmos crimes e, ainda, de um segundo roubo à agência dos Correios de Taperoá, no dia 31 de janeiro.

Polícia Federal investiga quadrilha responsável por assaltos a agências dos Correios na Paraíba e prende suspeito em Mossoró

Nas duas fases da Operação Carrossel, a Polícia Federal realizou buscas em seis endereços nas cidades de João Pessoa, Mossoró e, agora, em Extremoz. Foram cumpridos cinco mandados de prisão para dois homens, sendo três mandados para um deles e dois para o outro, pelos crimes mencionados.

A participação dos criminosos em outras ações de roubos à mão armada contra agências dos Correios continua sendo apurada e não se descarta a solicitação de novas medidas judiciais pela Polícia Federal.

De Olho no Cariri

Click PB