A PHP Error was encountered

Severity: Warning

Message: Invalid argument supplied for foreach()

Filename: includes/header.php

Line Number: 44

Backtrace:

File: /home/serrabra/public_html/novo/application/views/includes/header.php
Line: 44
Function: _error_handler

File: /home/serrabra/public_html/novo/application/views/detalhes_noticia_view.php
Line: 1
Function: include_once

File: /home/serrabra/public_html/novo/application/controllers/Index_controller.php
Line: 117
Function: view

File: /home/serrabra/public_html/novo/index.php
Line: 315
Function: require_once

Vacina da Pfizer chega ao Brasil nesta quinta, diz Ministério da Saúde


Última atualização em 29/04/2021 09:33, por Yan César

A primeira leva de um milhão de vacinas da Pfizer chegará ao Brasil nesta quinta-feira (29), no aeroporto de Viracopos, em Campinas. De acordo com o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, o cronograma de vacinação vai ser atualizado toda semana, às terças-feiras. Segundo ele, assim que novas doses chegarem, as pessoas que ainda não receberam a segunda dose poderão ser vacinadas.

Esse primeiro lote será distribuído somente nas capitais por uma questão de complicação logística, uma vez que o imunizante precisa ser armazenado a 20º C negativos. Segundo a pasta, somente as capitais federais teriam condições de garantir a estocagem segura da vacina neste momento.

Na sexta-feira (30), o governo federal deve iniciar a entrega das doses aos governadores. Ao longo da semana, mais 650 mil doses do imunizante serão enviadas ao Brasil. No mês de maio, o acordo é de 2,5 milhões doses e até o final de junho, 15 milhões de vacinas Pfizer/BioNTech deverão ter sido entregues. O contrato de 100 milhões de doses será cumprido no segundo semestre de 2021. O ministério já negocia novas remessas para 2022.

As geladeiras do Sistema Único de Saúde (SUS), espalhadas por todo o país - incluindo cidades de pequeno porte -, comportam um armazenamento entre 2 a 8º C positivos. As capitais, no entanto, receberam um reforço de geladeiras e conseguirão armazenar entre 15 e 25º C negativos por até quatorze dias, cumprindo a recomendação do laboratório.
Click PB